sábado, 19 de dezembro de 2015

20 Inventions We Shouldn't Live Without





invenções muito interessantes. São inspiradoras.


segunda-feira, 26 de outubro de 2015

Jack Ma: China’s First Global Leader

Jack Ma: China’s First Global Leader:







Os novos capitalistas solidários como o super empreendedor chinês Jack Ma fundador da Alibaba, surgem aos poucos como é o caso da lendária Anita Roddick da Body Shop, podemos entender que existe uma pequena chance de criar uma nova raça de líderes do capitalismo no século XXI.

"Sou apenas um purista. Eu não gasto 15 minutos pensando sobre como ganhar dinheiro ", disse ele. "O que é importante na minha vida está em influenciar muitas pessoas, bem como o desenvolvimento da China. Quando estou sozinho, eu fico relaxado e feliz. "Ele acrescentou:" Eles me chamam de 'Crazy Jack. "Espero ficar louco para os próximos 30 anos."

“I want to create one million jobs, change China’s social and economic environment, and make it the largest Internet market in the world.”–Jack Ma



'via Blog this'

sábado, 17 de outubro de 2015

Você pensa fora da caixa? Ok, mas pensar dentro da caixa tem vários benefícios...


Todos nós escutamos a todo momento pense fora da caixa, mas o que isso significa?
Significa não ter limites, restrições para pensar em uma solução. Essa é o principal conceito do brainstorm que é a técnica mais usada pelas pessoas e empresas.
Pode ser ótimo pensar inúmeras coisas sem restrição nenhuma mas a qualidade dessas ideias são boas?

Quando digo qualidade é no sentido de facilidade de implementar a ideia e o retorno ($$$) financeiro.




O que seria pensar dentro da caixa? Seria considerar tudo que está ao redor do que estamos pensando, vamos chamar de mundo fechado.
Vamos pensar em um lápis qual seria o mundo fechado dele?
- grafite
- madeira
- ponta do lápis
- papel
- usuário
Fiz um vídeo sobre o lápis, clique aqui para assistir: 




Se eu sou um fabricante de lápis, e eu conseguir mudar algo em algum desses componentes para produzir um lápis melhor, possivelmente terei mais facilidade para produzí-lo do que ficar pensando em dezenas de ideias que podem estar fora do meu domínio.
Como tenho 5 componentes para analisar eu vou pensar com muito mais profundidade neles do que analisar fora da caixa com infinitas possibilidades. Vamos ter que prestar atenção na disposição e espaço e no tempo, pensar nas suas funções e necessidades.
O mundo fechado desafia a nossa fixidez, um bom exemplo de “quebra” da fixidez é esse da imagem abaixo:

Dentro do mundo fechado conseguimos chegar a soluções que são inovadoras (diferentes do habitual) e simples, uma vez que são tomadas com base em elementos já existentes e conhecidos.
Pensar dentro da caixa é o conceito mais importante da metodologia SIT (Systematic Inventive Thinking) ou Pensamento Inventivo Sistemático.
A innoTools possui um curso de SIT em que você vai poder estudar os 5 templates usados para criar idéias dentro do mundo fechado. Para conhecer o curso acesse: innoTools

Bruno Cavalcante – innoTools é Engenheiro Eletrônico pela EEL – Escola de Engenharia de Lins. Sempre teve interesse em criatividade e inovação. Nos últimos anos tem estudado várias ferramentas de inovação sistemática e criatividade e criou dois Apps para iPad: BH-TRIZ e BH-SIT. Atualmente é gerente de projetos em uma Startup na cidade de Belo Horizonte – MG

sábado, 3 de outubro de 2015

" WalkCar"COCOA MOTORS.Inc.





Uma fantástica proposta de locomoção. Hoje os motores não são mais o problema, o futuro está no armazenamento de energia.

Amazon começa a testar seu Uber para entregas, o Amazon Flex

Amazon começa a testar seu Uber para entregas, o Amazon Flex

Qualquer um pode ser entregador da Amazon





amazon-flex



Amazon começa a testar seu Uber para entregas, o Amazon Flex

'via Blog this'

segunda-feira, 14 de setembro de 2015

Sete problemas crônicos - Ponto de vista da Inovação

O post de Bill Poston (Seven Chronic Problems - Viewpoints on Innovation) aponta 7 problemas crônicos com foco em alinhar a estratégia às operações orientadas para a inovação. Questões como estrutura organizacional e modelo de gestão entram no processo de capacitação da empresa para sobreviver pela inovação.   

Estratégias de negócios são muitas vezes comunicadas com uma dose liberal da palavra "inovação", e uma declaração nítida de metas de crescimento orgânico. O que é tão frequentemente deixado sem explicações é o quanto desse crescimento se busca virá da inovação e de que forma as inovações precisam acontecer. A falta de uma estratégia de inovação claramente articulada é um problema crônico entre as organizações em todos os setores.
...
Os 7 problemas
1) Falta de uma estratégia de inovação
2) Falta de alinhamento interfuncional 
3) Os vasos comunicantes de desenvolvimento de produtos estão sobrecarregados
4) Incrementalismo desenfreado
5) A prestação de contas pouco claras sobre os resultados
6) Orientação de curto prazo
7) A falta de competências

Recomendo o link com muito mais informações e detalhamento: Seven Chronic Problems - Viewpoints on Innovation

Autor: Bill Poston

Executivos Indianos em Alta

Nadella, Pichai, Suri e Narayen para a maioria são desconhecidos. Mas as empresas  as que dirigem atualmente não são: Microsoft, Google, Nokia e Adobe Systems.

Satya Nadella, presidente ejecutivo de Microsoft.













“I believe that culture is not static,” Nadella concludes. “It evolves every day based on the behaviors of everyone in the organization. We are in an incredible position to seize new growth this year. We will need to innovate in new areas, execute against our plans, make some tough choices in areas where things are not working and solve hard problems in ways that drive customer value.” Nadella.
Sundar Pichai, CEO do Google

Google acaba de anunciar uma reestruturação que ascendeu o executivo  43 Sundar Pichai para a presidência executiva. É um lembrete de que os executivos de algumas das mais renomadas empresas de alta tecnologia têm origens na Índia.

"I want Google to strive to do that — not just build technology for certain segments. For me, it matters that we drive technology as an equalizing force, as an enabler for everyone around the world.

Which is why I do want Google to see, push, and invest more in making sure computing is more accessible, connectivity is more accessible. And going back to our core mission, when we do things like machine learning and assist users, I view that as a huge game changer. Because over time, someone who has [access to] just a smartphone hopefully has...the same [capabilities] as someone who is more privileged. That’s what’s very exciting about what we are doing."


"Nokia's strategy is to develop its three businesses in order to realize its vision of being a technology leader in a connected world and, in turn, create long-term shareholder value," said Rajeev Suri.




Moving Adobe’s business to the cloud meant scrapping its old approach and switching to selling subscriptions for online access to software packages such as Photoshop, Illustrator and InDesign: “When we did it, we were the first company to say we are not going to issue . . . packaged software, we were going to deliver software on the cloud.”

sexta-feira, 7 de agosto de 2015

12 das embalagens de produtos mais interessantes que você já viu

Esta embalagem faz parte de uma coletânea de ideias que são fantásticas e mostram como o design pode fazer a grande diferença para diferenciar produtos. Gestores devem levar mais a sério a questão do design na suas estratégias. ver mais aqui. Bom design não é somente função e forma é lógica e emoção.









sexta-feira, 31 de julho de 2015

terça-feira, 21 de julho de 2015

Ecodesign na prática » Cidades e Soluções:

CRIATIVO !!

INOVADOR



Cidades e Soluções: Ecodesign na prática


qui, 04/09/14
por Klara Duccini |


Você sabia que são fabricadas 350 bilhões de tampas de garrafas plásticas por ano, no mundo?! Já imaginou a vida sem elas?
Você vai conhecer o brasileiro que foi premiado no exterior porque inventou uma tampinha-brinquedo. Um novo negócio que ajuda a diminuir a quantidade de resíduos no mundo.


Tampas de garrafa transformadas em brinquedo

No Cidades e Soluções dessa semana, você também vai conhecer jovens designers que transformaram madeira abandonada nas ruas em óculos sofisticados com tiragem limitada.


Madeira abandonada transformada em óculos sofisticados


Para saber mais sobre o trabalho da Zerezes, clique aqui.

Para saber mais sobre as tampinhas Clever Caps, clique aqui.



'via Blog this'

terça-feira, 7 de julho de 2015

Pesquisa mostra quais são os oito tipos de processo de inovação

Muito interessante o trabalho que o Professor Mario Sergio Salerno da Poli - USP e e os pesquisadores Leonardo Augusto de Vasconcelos Gomes, Débora Oliveira da Silva, Raoni Barros Bagno e Simone Lara Teixeira Uchôa Freitas.

A pesquisa identificou que o modelo tradicional de gestão de inovação é comum em grandes empresas para o desenvolvimento de inovações incrementais. No entanto, o modelo tradicional nem sempre é aplicável em projeto de inovação com elevado grau de incerteza e complexidade, que são típicos de projetos de inovação radical, como os que envolvem avanços tecnológicos ou criação de mercados novos. A Pesquisa mostra quais são os oito tipos de processo de inovação

Interessados no artigo com a pesquisa completa sob o título "Innovation processes: Which process for which project?" : link aqui

Fonte site de PEGN'

segunda-feira, 6 de julho de 2015

Digital signage chega para salvar vidas

A sinalização digital está dando uma reviravolta na segurança nas estradas com um novo conceito inovador, onde se poderá ver caminhões em dimensão semi proporcional de forma a prestar atenção no tráfego à frente sem precisar fazer manobras perigosas ou prováveis descuidos.

A tecnologia de exibição  da Samsung foi usada  recentemente em um protótipo "Caminhão de Segurança" destinado a prevenir acidentes de trânsito e mortes de motoristas que tentam ultrapassar. O projeto está sendo testado na Argentina. A parede de tela de vídeo (2x2) montada na traseira de um reboque traseiro dos caminhões mostrará o que está na frente do caminhão independente do tráfego.






Atualmente, o caminhão protótipo construído não está mais operacional. Até agora, a Samsung tem sido capaz de confirmar que a tecnologia funciona e que a ideia noção definitivamente pode salvar vidas.

O próximo passo é realizar os testes correspondentes a fim de cumprir com os protocolos nacionais existentes e obter as autorizações e aprovações necessárias.

O projeto do Safety Truck tem sido gerado um buzz desde que a Samsung postou sobre isso, com alguma oposição que aponta questões de custos, distração dos motoristas e modelo de negócio e ROI que viabilize tais mecanismos de segurança.

Fonte: "Digital signage hits the road to save livesChristopher Hall 24 de Junho de 2015

ver também este post

sexta-feira, 3 de julho de 2015

Novas Contribuições de Clayton Christensen


Em posts anteriores comentei que sou fã de carteirinha do guru da inovação e do managemento grande Clayton Christensen (literalmente, o homem tem mais de 2 m). Professor Clay é conhecido pelas teorias por traz da inovação disruptiva. Em 2013 foi eleito "O pensador mais influente do management do mundo".
É o cientista como também o intelectual que realmente fez e ainda faz a diferença no mundo das ciências humanas. Sua abordagem na construção do conhecimento e teorias seguem um rigor científico primoroso, além de trazer um matiz de simplicidade e clareza. A meu ver seus trabalhos são uma raridade no mundo do management, especialmente em temas tão complexos como são a inovação e o management estratégico. Passados todos estes anos desde sua estreia nos holofotes no mundo do management (1997), ainda seus trabalhos são inspiradores e despertam admiração no mundo todo. Tenho acompanhado o trabalho do Professor Clay a mais de 15 anos, desde que devorei seu primeiro livro "O Dilema do Inovador". Sua obra abre uma nova perspectiva de como devemos avaliar nossos negócios e a causa e efeito dos concorrentes (rivais e novos entrantes) dentro das perspectivas da inovação.

Antes de tudo, a página web do Professor aqui, e um vídeo para os  interessados no seu trabalho. 






Clayton Christensen - World Innovation Forum from Braden Kelley

A apresentação acima é semelhante à que assisti em São Paulo no Fórum Mundial da Inovação em 2007, para facilitar a vida de alguns coloco para download a tradução

Quem fica à vontade com textos em inglês, Clayton Chistensen abre as comportas do conhecimento. Para os que buscam entendimento da sua obra, todos os seus principais livros foram traduzidos ao português, é somente pesquisar. Para os interessados em ampliar e atualizar-se como o que o Professor Clay tem a ensinar, a Harvard Business Review, Foreign Affairs e Stanford Social Innovation Review disponibilizam seus últimos trabalhos de forma free.

Artigos que podem ajudar a ampliar nosso entendimento sobre inovação pelas lentes da disrupção ou ruptura ou disruption. 

1. Theory of Theory Building





terça-feira, 30 de junho de 2015

Buscando como embalar seu produto? Algumas ideias

A blogera Caitlin Jordan do site "designschool.canvas.com" apresenta uma coletânea com 50 exemplos de embalagens com um design muito útil para quem busca ideias.

50 Insanely Creative and Stunning Packaging Designs (aqui)


Além de estas 50 ideias tem uma lista de imagens que qualquer um pode encontrar com uma simples googleada: um exemplo "packagingver aqui.

Para mim as melhores embalagens com as quais convivemos por milhares de anos estão na natureza e como sou um criacionista de carteirinha o design de estas embalagens é realmente divino: embalagens funcionais / orgânicas / recicláveis / práticas.

A disciplina científica batizada por biomimicry, desenvolvida a pouco tempo e que utiliza como referencial criativo o design desenvolvido pelas criaturas ou biodiversidade, para solucionar problemas humanos, A origem de esta nova disciplina foi quando a ficha caiu ao perceber que na natureza o que mais abunda são soluções criativas, especialmente na busca da verdadeira sustentabilidade. Estre estes vários problemas temos as embalagens.

Tem algumas soluções de embalagens primorosas que são até hoje difíceis de copiar.


Banana: Resistência relativa, super prático e muito conveniente.


Alho: Protege o produto no manuseio e transporte, suporta altas variações de temperatura e por vários dias. Encontramos em cores variadas.
Para ver a importância de esta questão dois pequenos testes: observe o volume de papel, papelão e plástico que você tem que colocar no lixo semanalmente. Para ver o tamanho e volume do problema, quando você entrar num supermercado ou hipermercado observe que 98% (de milhares de itens disponíveis no mercado) que consumimos precisam de algum tipo de embalagem. Os engenheiros explicam, é uma questão de produtividade e logística, mas mesmo assim é um tremendo desperdício.

Algum dia no futuro um pouco distante, quando a biomimicry evolua o bastante, será quando poderemos fazer algo tão bom como estas embalagens acima.

Para saber mais do que representa esta nova ciência para nossa evolução na busca da sustentabilidade ver no TED com Janine Benyus.




Fonte: designschool.canva.com, - Portal com excelente material relevante para gestores e obcecados por inovação. Também Google e TED.

domingo, 28 de junho de 2015

Exclusive: Apple mines big profits from Watch band | Reuters

A Apple orienta seu modelo de negócio do Apple Watch para uma versão Aparelho de Barbear, onde os lucros estão na venda do refil de laminas do que com os aparelhos. Também temos as HP e Epson com suas Impressoras de Jato de Tinta, onde o que dá dinheiro é a tinta.
A previsão é que a Apple irá ganhar mais com as pulseiras de relógio e outros apetrechos do que com os próprios relógios. Inovação ou aproveitar-se da situação dos consumistas de moda, um pequeno empréstimo do modelo de negócio da Swatch. É claro que os Apple guys chamam isso de Inovação no Modelo de Negócios. Esses modelos de negócios são uma coisa não?
Como sempre comentei, a Apple é implacável e criativa em usar da criatividade dos outros como fez com muitos produtos que lançou. Alguns são emblemáticos, o famoso mouse e o Mac OS, tudo captado pelas suas incursões no PARC (Palo Alto Research Center) da incauta Xerox.

Bands for the Apple Watch are seen for sale at Apple's flagship retail store in San Francisco, California June 17, 2015. REUTERS/Robert Galbraith

A fórmula de lucros é demostrada pelas margens como tenta descrever o artigo na reuters.
"Embora a pulseira esportiva de nível básico  é vendido por US $ 49, esta somente custa aproximadamente  2,05 dólares para fabricar, de acordo com uma análise de um empresa de pesquisa de tecnologia."

Ver artigo completo: Exclusive: Apple mines big profits from Watch band | Reuter

INOVAÇÃO NA PRÁTICA



Inovação na Prática
Data: 30 de Junho de 2015
Local: Impact Hub Paulista – Rua Bela Cintra, 409
Horário: 19h00 às 23h00
Facilitadora: Helena Fragomeni

Inscreva-se!aqui
saopaulo.impacthub.com.br/event/inovacao-na-pratica/
ou
inovacao-na-pratica

O Chamado
O Brasil precisa de pessoas que trabalhem mais com seus cérebros do que com suas mãos. Pensar é preciso! Observar, investigar, criar e agir também! Mentes inquietas que querem fazer a diferença e ter realizações baseadas em causas são bem-vindas em nosso Bate-Papo. Abordaremos os tipos de inovação: Produtos e Serviços, Processos, e Modelo de Negócios. Os conceitos de melhoria continua e disruptiva.
Ideias ou necessidades latentes? Solução ou soluções? E como descer para o tático? Porque se não implementar não vale!
O Propósito
O propósito é que os participantes busquem realmente inovar dentro de suas empresas. É desmistificar esta palavra. É que passem a observar e identificar oportunidades latentes e entrem no processo de resolvê-las.
Para quem é
Pessoas com perfil sonhador, crítico e/ou realizador. 
Atividades:
A metodologia será um misto de palestra com bate-papo. Serão transmitidos conceitos, casos práticos de histórias reais de empreendedores e suas vivências, oportunidades e dificuldades. Haverá também dinâmicas práticas com os participantes.


Inovação na Prática from ALL ABOUT on Vimeo.

Facilitadora 
Helena Fragomeni, Diretora da ALL ABOUT, consultoria de inovação, possui mais de 14 anos de experiência na área de educação corporativa. Helena Fragomeni, inglesa naturalizada brasileira, estudou em Londres na American Community School of London. Possui bacharelado em Desenho Industrial pela PUC-Rio, é pós-graduada (MBA) na FGV-RJ em Gestão de Negócios Tecnologia da Informação, assim como na Universidade de São Paulo - FEA- RP/ USP em Gestão para o Empreendedorismo Inovador. É também membro do Conselho de Jovens Empresários do Sistema FIRJAN/IEL e de Inovação da FIESP, participando como mentora em iniciativas como o “Acelera Start Up”.

terça-feira, 23 de junho de 2015

¡Adiós a los molinos! Conoce la nueva tecnología de energía eólica | unocero

¡Adiós a los molinos! Conoce la nueva tecnología de energía eólica | unocero:

Esta imagen digna de portada para un disco de Pink Floyd no es más que el futuro cercano de la energía eólica. Con motivo del Día Mundial del Medio Ambiente, destaca una nueva tecnología que está cambiando la manera de producir energía por medio del viento, dejando a los icónicos aerogeneradores o molinos de viento en el pasado.



vortex int









'via Blog this'

quarta-feira, 3 de junho de 2015

Mercode leva mercado virtual para os corredores do metrô de São Paulo - PEGN | Varejo

Supermercado dentro do metrô. A ideia foi desenvolvida pela cadeia inglesa do varejo e atacado, a grande Tesco para o mercado da Coréia do Sul. O Virtual Shop é uma grande mudança de tudo que temos visto sobre modelos de negócio de varejo. 



Agora em São Paulo com grande potencial e com um modelo de negócio baseado em rede de supermercados espalhados pela cidade.
Muito boa iniciativa da rapaziada, que apostou e prometem ganhar escala rapidamente. O modelo de negócio e sua implantação não é simples nem a tecnologia que apoia as operações, visto que deve ser trabalhoso ter que integrar um monte de supermercados de vizinhança a um novo sistema. A estratégia mostra consistência e oferece uma grande oportunidade de crescimento exponencial se bem executado.  Gostei do nome do negócio também. Parabéns!

Painel do Mercode na estação Butantã do metrô (Foto: Divulgação)


Mercode leva mercado virtual para os corredores do metrô de São Paulo - PEGN | Varejo: "A startup atua hoje com duas estratégias de negócio. Além de manter um e-commerce próprio, ela também tem parcerias com supermercados que fazem entregas em domicílio e desejam ter uma plataforma para aumentar o alcance de seus negócios.
Ao todo, já são 7 supermercados ativos na plataforma e mais 22 em fase de integração. Para o final do ano, a meta é de alcançar 50 parceiros e assim expandir o alcance do serviço nas principais capitais do Brasil. Segundo Campos, a empresa pretende aos poucos abandonar o seu e-commerce e se transformar exclusivamente em um marketplace para supermercados pequenos e médios.
O Mercode foi criado em 2013 por Campos e seus dois sócios – Igor Garcia, 27, e Gabriel Schiavoni, 28. Eles tiveram a ideia quando perceberam que no dia a dia as pessoas tinham cada vez menos tempo de ir ao supermercado para fazer compras. Por enquanto, a ação no Metrô de São Paulo continua e não tem previsão para acabar."

sexta-feira, 29 de maio de 2015

O Guarda Chuvas e a Difícil Difusão da Inovação

Os guarda chuvas como os conhecemos tem mantido o seu conceito por anos ou mesmo séculos e ainda como acontece com as ratoeiras insistimos em melhorá-los. Novos inventores tem procurado resolver alguns problemas presentes em seu design centenário. Alguns obcecados insistem, porém somente conseguimos os admirar seus inventos na internet. Mesmo com todo esse poder de comunicação que cobrem o planeta não estão ajudando muito.  Para estes casos ver um vídeo no youtube não é suficiente para impactar o mercado. Em 2010 descobri na web o Nubrella, pelas noticias na web parece que não evoluiu em difusão. Substituir um design ícone como guarda chuva tradicional não é uma tarefa fácil e reconheço que é um design dominante de peso, ainda mais com todos os fatores de fabricação e escala resolvidos. O posicionamento do Nubrella é complicado, ainda vale 2 a 3 vezes mais, e nem mesmo Amazon tem um disponível para a venda.  Todos estes fatos e dados mostram que inovar não é fácil nem simples.

A nossa relação com o design do guarda chuva é tão profundo como são os livros para muitos de nos. Os videos abaixo mostram o Nubrella e uma nova proposta para o guarda chuva tradicional, que propõe modificações inteligentes em alguns elementos funcionais do produto. São duas invenções relativamente convincentes, porém lamento que sem podermos testá-los nunca conheceremos o seu real valor. A difusão da inovação exige disponibilidade do produto para ser comparado e testado. Somente o contato com o produto poderá deixar as marcas e pistas para o usuário. Poderá apresentar os diferenciais  e benefícios criando uma nova experiência que poderá mudar nossa lista de atributos e prioridades quando escolhemos um guarda chuva.



why4



quinta-feira, 28 de maio de 2015

"As 50 marcas mais Valiosas do Planeta" | Reuters.com

Most valuable brands | Reuters.com:



Interessante que as marcas chinesas estão ocupando um espaço significativo escalando os mercados de forma constante com a paciência oriental típica. Percebo o que todo mundo já sabe, preparando-se para o domínio e beneficio de ser o líder dos mercados de consumo. As marcas que considero nesta segunda década do século 21 as tradicionais, tais como Apple, Google, Microsoft, Amazon,Toyota, etc., todas estas deverão lutar focadas na inovação para tornar-se relevantes neste mercado cada vez mais implacável em tornar obsoletos modelos de negócios e suas tecnologias complementares, sem respeitar a sua tradição e história.

Traduzi uma pequena porção do email de Satya Nadella (CEO) para os todos os colaboradores da Microsoft, onde descreve a corrida para manter-se relevantes neste mundo em constante disrupção e/ou destruição criativa. Ver email completo aqui.

From: Satya Nadella
To: All Employees
Date: July 10, 2014 at 6:00 a.m. PT
Subject: Starting FY15 - Bold Ambition & Our Core


Embora tenhamos tido grande sucesso, estamos com fome de fazer mais. Nossa indústria não respeita a tradição - ela só respeita a inovação. Este é um momento crítico para a indústria e para a Microsoft. Não se enganem, estamos caminhando para uma melhor posição - como a tecnologia evolui e nós evoluindo na frente dele. Nosso trabalho é garantir que a Microsoft prospere em um mundo em movimento e "cloud-first world"..



'via Blog this'

sábado, 23 de maio de 2015

Published for the First Time: a 1959 Essay by Isaac Asimov on Creativity | MIT Technology Review

Note from Arthur Obermayer, friend of the author:
In 1959, I worked as a scientist at Allied Research Associates in Boston. The company was an MIT spinoff that originally focused on the effects of nuclear weapons on aircraft structures. The company received a contract with the acronym GLIPAR (Guide Line Identification Program for Antimissile Research) from the Advanced Research Projects Agency to elicit the most creative approaches possible for a ballistic missile defense system. The government recognized that no matter how much was spent on improving and expanding current technology, it would remain inadequate. They wanted us and a few other contractors to think “out of the box.”

When I first became involved in the project, I suggested that Isaac Asimov, who was a good friend of mine, would be an appropriate person to participate. He expressed his willingness and came to a few meetings. He eventually decided not to continue, because he did not want to have access to any secret classified information; it would limit his freedom of expression. Before he left, however, he wrote this essay on creativity as his single formal input. This essay was never published or used beyond our small group. When I recently rediscovered it while cleaning out some old files, I recognized that its contents are as broadly relevant today as when he wrote it. It describes not only the creative process and the nature of creative people but also the kind of environment that promotes creativity.

continue


sexta-feira, 15 de maio de 2015

Ricardo Semler o grande inovador em gestão de empresas

Taking an Innovative Step Forward

Pesquisadores da USP conseguiram identificar em diversos setores industriais, questões importantes sobre timing e as mudanças no atual modus operandi dos processos de inovação de produtos afetados pela intensificação no relacionamento com clientes e consumidores.



Taking an Innovative Step Forward:



'via Blog this'

The World in 2025: 8 Predictions for the Next 10 Years | Singularity HUB

Para quem estiver querendo saber como será o mundo nos próximos 10 anos (2025) tem muita coisa que pode revolucionar e dar um reviravolta total em como pensamos e fazemos as coisas. Boa leitura.



The World in 2025: 8 Predictions for the Next 10 Years | Singularity HUB:



'via Blog this'

terça-feira, 12 de maio de 2015

At Zappos, 210 employees decide to leave rather than work with ‘no bosses’ - The Washington Post

210 funcionários ou cerca de 14% da força de trabalho da empresa Zappos, tem desistido com indenizações sobre o comando Holacrático do CEO Tony Hsieh, uma filosofia de negócios que visualiza a empresa operar sem os gestores tradicionais. "Os sistemas Holacratico têm uma história de falhar por uma razão ou outra, e são notoriamente difíceis de escalabilidade", escreve Alison Griswold. Do Washington Post.



At Zappos, 210 employees decide to leave rather than work with ‘no bosses’ - The Washington Post:









'via Blog this'

sexta-feira, 8 de maio de 2015

Uma empresa familiar fiel aos manuais | Harvard Business Review Brasil

Uma empresa familiar fiel aos manuais | Harvard Business Review Brasil:

De Maria Cristina Carvalho

O artigo descreve a evolução da família empresaria do cartunista Mauricio de Souza.
Interessante para quem deseja ou prefere manter a família nos negócios.




'via Blog this'

quinta-feira, 7 de maio de 2015

Novo modelo de gestão da Zappos dará adeus aos chefes - O Negócio do Varejo

Novo modelo de gestão da Zappos dará adeus aos chefes - O Negócio do Varejo:

Rede de varejo da Amazon está se desfazendo da estrutura hierárquica tradicional com base na teoria da holocracia. Nela, não há cargos nem chefes.

quarta-feira, 29 de abril de 2015

8 Inventions That Were Said To Be Impossible One Decade Ago | OPEN Forum

8 Inventions That Were Said To Be Impossible One Decade Ago | OPEN Forum:



Muito interessante este post com 8 invenções de Mike Michalowitz. Tem algumas que realmente são  exemplos da iluminada criatividade humana.



'via Blog this'

terça-feira, 28 de abril de 2015

Um nova abordagem de dessalinização








Uma nova abordagem de dessalinização lançado pelo Grossman Group Material Science and Engineering do MIT. O material Graphene é o material milagre. Pelo que entendo o material é aqueles materiais do futuro e poderá criar frutos radicais de várias inovações.

sexta-feira, 24 de abril de 2015

Toward a new HR philosophy | McKinsey & Company

Toward a new HR philosophy | McKinsey & Company:



Contribuindo com uma nova filosofia, onde o papel do RH deve ser de capacitar os gestores para decidir sobre as normas, contratar quem quiserem e desenvolver líderes por toda a empresa, de acordo com a chefe da função no grupo agoda.com portal online de viagens.



'via Blog this'

quinta-feira, 19 de março de 2015

Google Glass foi um bom experimento equivocado, afirma o chefe do Google X

Google: Here's what we did wrong with Google Glass:



Google estava certo para tornar disponível rapidamente seus aparelhos de óculos wearableporém a publicidade em torno da oferta estava equivocada, disse Astro Teller, chefe da Google X. Colocando protótipos no mundo real de uma maneira estratégica é a melhor abordagem quando se desenvolve radicalmente novas tecnologias, disse Teller: “Isto é sobre sair e não tendo estes baques e dificuldade, é sobre obter o valor pleno deles”

Google-x-astro-teller

domingo, 22 de fevereiro de 2015

Um Inovador de primeira linha: Luis Von Ahn en TEDxJ





Luis Von Ahn um rapaz huatemalteco altamente criativo e com uma capacidade emprendedora singular. Inventor do Captcha  que vendeu para Google por algumas decenas de milhões de dolares. Atualmente, um empreendedor criador do portal "duolingo.com" dedicado a ensinar linguas de graça,  com um modelo de negócios promissor.




sexta-feira, 23 de janeiro de 2015

ABB e Solar Impulse preparam-se para voo histórico de volta-ao-mundo

cid:image004.jpg@01D03626.BF93DC60

ABB e a Solar Impulse formaram uma aliança para dar a volta-ao-mundo histórica defendendo o papel da inovação e da tecnologia na redução do consumo de recursos do Planeta
A ABB, empresa líder em tecnologias de automação e energia, orgulha-se de acompanhar a Solar Impulse e sua tripulação no voo do avião ao redor do mundo, alimentado apenas pela energia solar.

A Solar Impulse, com base na Suíça, anunciou que começará seu voo histórico entre o final de fevereiro e início de março, em Abu Dhabi. Em 2014, a ABB e a Solar Impulse formaram uma aliança de inovação e de tecnologia, para o avanço de uma visão compartilhada de redução do consumo de recursos e aumento da utilização de energias renováveis.

"A Solar Impulse vai inspirar uma nova geração para abraçar a inovação e a tecnologia e resolver os maiores desafios do planeta," disse Ulrich Spiesshofer, CEO da ABB. "A ABB estará com a equipe da Solar Impulse em cada milha de sua jornada. ” Três engenheiros da ABB juntaram-se à equipe da Solar Impulse, contribuindo com expertise e paixão. O trabalho inclui a melhoria dos sistemas de controle para as operações de solo, aumentando a carga eletrônica para os sistemas de bateria do avião e resolvendo os obstáculos que surgem ao longo da rota.

Na rota de 40.000 quilômetros do avião, os pilotos Bertrand Piccard e Andre Borschberg compartilharão tarefas conforme as paradas da aeronave em cidades que incluem Muscat, Omã; Varanasi e Ahmedabad, na Índia; Chongqing e Nanjing, na China; e Phoenix, Arizona, nos Estados Unidos. Há previsão de parada também na Europa ou na África do Norte. Entre os desafios antes que a missão finalize em Abu Dhabi é realizar um vôo non-stop de cinco dias e cinco noites da China para o Havaí, em meados de 2105. O avião, alimentado por 17.248 painéis solares, vai subir mais alto do que o Monte Everest todos os dias enquanto  carrega totalmente suas baterias para permanecer no ar durante a noite.

O entusiasmo da ABB com a Solar Impulse decorre não só da fé compartilhada em inovação e tecnologia, mas também do lema da empresa: " Power and productivity for a better world”. A Solar Impulse espelha as aspirações da ABB em ajudar a aumentar a eficiência operacional, reduzir a utilização dos recursos, permitir o transporte sustentável e aumentar a utilização da energia limpa e renovável.
Como o segundo maior fornecedor mundial de inversores solares e um dos maiores fornecedores para a indústria de energia eólica, a ABB é líder em integrar as energias renováveis, de forma eficiente e confiável nas redes elétricas. A ABB está ajudando a montar a rede de carregamento rápido para veículos elétricos mais abrangente na Europa, e está fornecendo os principais equipamentos para a maior rede mundial de carregadores rápidos para veículos elétricos na China.

Piccard disse que a união com a ABB e suas principais tecnologias, que permitem a geração de projetos de energias renováveis, bem como o aumento da eficiência,trouxe um reforço para equipe do Solar Impulse na capacidade do empreendimento para demonstrar o poder da inovação e da tecnologia limpa. "É disto que o mundo precisa," disse Piccard, pioneiro suíço da aviação que integrou a primeira equipe a orbitar a Terra em um balão, em 1999. "De outra forma, vamos perder todos os nossos recursos naturais.”

Desde 2010, Piccard, presidente do projeto, e Borschberg, seu CEO, combinaram de definir oito recordes da aviação internacional, incluindo duração, altitude e distância voada conforme cruzassem a Europa, norte da África e os Estados Unidos em um protótipo de avião apenas movido a energia solar.

ABB celebra e compartilha essa visão como o próximo passo desta jornada que desperta um novo interesse na aeronáutica, tecnologia limpa e energia renovável. "Juntos, temos de percorrer o mundo sem consumir a terra," disse Spiesshofer, da ABB. "Em termos muito simples, é o que defendemos. ”
Visite http://new.abb.com/betterworld para maiores informações sobre a aliança da ABB com o Solar Impulse.
Para mais informações sobre o Solar Impulse, acesse www.solarimpulse.com e siga-nos no  facebook.com/solarimpulse,twitter.com/solarimpulse e google.com/+solarimpulse

Published for the First Time: a 1959 Essay by Isaac Asimov on Creativity | MIT Technology Review

Published for the First Time: a 1959 Essay by Isaac Asimov on Creativity | MIT Technology Review:

Note from Arthur Obermayer, friend of the author:
In 1959, I worked as a scientist at Allied Research Associates in Boston. The company was an MIT spinoff that originally focused on the effects of nuclear weapons on aircraft structures. The company received a contract with the acronym GLIPAR (Guide Line Identification Program for Antimissile Research) from the Advanced Research Projects Agency to elicit the most creative approaches possible for a ballistic missile defense system. The government recognized that no matter how much was spent on improving and expanding current technology, it would remain inadequate. They wanted us and a few other contractors to think “out of the box.”